terça-feira, 17 de setembro de 2013

Como dissolver a gordura do organismo, pelos maus hábitos alimentares

Os maus hábitos alimentares são capazes de predispor à formação ou acúmulo do colesterol no organismo: gorduras de origem animal, leite integral, queijos gordurosos, frituras, ovos, frutos do mar (com exceção de peixes). 

Diversas margarinas vegetais e outras gorduras utilizadas em produtos de panificação, como pães, biscoitos, bolos, doces podem conter gorduras trans que, além de aumentarem o mau colesterol, diminuem o bom colesterol. 



Por Giancarlo Dardi (experiência pessoal). 

As gorduras, de modo geral, e com elas os queijos, já haviam sido reduzidas quase que totalmente a exceção do azeite extra virgem, porque este, além de combater o mau colesterol, ao ser acrescido em pequenas quantidades ao óleo ou margarina usados para o preparo dos alimentos, começa a destruir a estrutura gordurosa destes já durante o cozimento.

Na mesa a carne perdeu espaço para os vegetais, não somente porque estes ajudam a dissolver as gorduras ingeridas, mas porque se bem preparados tornam-se iguarias muito saborosas. 

Se nossa afirmação soa inconsistente, convidamos o leitor a executar as seguintes experiências:

  • Gorduras animais, saturadas, portanto: banha de porco, toucinho, linguiça, manteiga. Retire uma pequena quantidade dessa gordura - uma de cada vez - e esfregue-a entre as palmas das mãos. 



Feito isso, tente tirar a gordura lavando-as com água. A gordura só será eliminada se for usado
detergente. 

Todavia, não é aconselhável ingerir este produto para eliminar as gorduras que estão nas entranhas.

  • Gorduras vegetais, portanto não saturadas: óleo de soja, girassol, canola, milho, margarinas vegetais. Repita a experiência anterior. Constatará que mesmo se o teor gorduroso destes produtos é menos viscoso do que a gordura animal, ainda assim a água não a dissolve.


  • Agora, se não possuir um produto apto a cozinhar no vapor, pegue o coador de macarrão, encaixe-o sobre uma panela cuja circunferência superior lhe sirva de receptor e despeje dois copos de água. 
  • Deposite no coador um punhado de legumes, acenda uma boca do fogão e coloque sobre ela o conjunto: panela, coador, legumes e tampe. Deixe ferver. Quando os legumes estiverem cozidos, reserve-os para seu uso e utilize o caldo para as continuar as experiências.


Repita agora o que fez anteriormente e limpe as gorduras, uma de cada vez, com o caldo dos legumes. 

No primeiro momento talvez não perceba nenhuma diferencia, mas logo em seguida perceberá que as gorduras começam a se dissolver.
Se forem utilizados sucos de frutas frescas, com ênfase as cítricas, o resultado será ainda melhor.

  • Agora retorne a esfregar as gorduras entre as palmas das mãos, e ao invés do caldo das verduras cozidas, coloque algumas gotas de azeite extravirgem e friccione. Averiguará que as células da gordura se desfazem e a epiderme das palmas das mãos é suavizada.


Hoje, todos os vegetais que são servidos nas refeições de casa são cozidos no vapor, e o caldo que sobra - com os nutrientes que nele permanecem, cerca de 30/35% do que possuem - substitui a água que antes era utilizada no preparo dos demais alimentos: arroz, carne, sopas, tortas. As exceções são os caldos ácidos, estes não são aproveitados.

Além disso, a pequena quantidade de gordura que é utilizada para refogar é uma combinação de 80% de óleo de milho ou girassol, com 20% de azeite extravirgem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A bondade em palavras cria confiança; a bondade em pensamento cria profundidade; a bondade em dádiva cria amor. Provérbio chinês

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...