terça-feira, 25 de agosto de 2015

Por que devemos suplementar diariamente com solução de lugol (Iodo + Iodeto)?

Resumo do trabalho apresentado pelo Dr. Lair Ribeiro: 
O micro-nutriente iodo é sem dúvida o mais mal-entendido nutriente do corpo humano.
 O seu uso no tratamento de bócio foi a primeira vez que um simples elemento (Iodo) era usado para tratar uma doença específica (bócio tireoidiano). Assim nascia a medicina ocidental - um remédio para uma doença específica!
A tireóide contem apenas 50mg de Iodo, enquanto que o corpo como um todo armazena em torno de 1.500 mg de Iodo.
Praticamente, toda célula do corpo humano tem necessidade de Iodo e sua concentração é maior no sistema glandular: mamas, glândulas salivares, parótidas, pâncreas, mucosa gástrica, glândulas lacrimais, próstata.
O Natrional Health And Nutrition Examination Survey (NHANES) mostrou que houve uma diminuição de 50% na ingestão de Iodo, nos últimos 30 anos. Deficiência de Iodo é um problema importante de saúde pública em 129 países. Em torno de 72% da população do mundo é afetada por deficiência de Iodo.
Mulheres Japonesas são as que consomem a maior quantidade de Iodo entre todas as mulheres no mundo. O Japão tem a mais baixa taxa mundial de mortalidade perinatal. Inúmeros estudos demonstraram que a suplementação de Iodo durante a gestação aumenta o QI das crianças, quando avaliadas aos 18 meses. Os Japoneses ingerem 13.8mg de Iodo/dia. Isso corresponde a 92 vêzes a dose recomendada no Brasil e nos Estados Unidos.
A deficiência de Iodo leva à formação de cistos que progridem para nódulos e formam fibrose que podem evoluir para câncer na tireóide, mamas, útero, ovários e próstata.
O iodo tira a imortalidade das células cancerígenas, fazendo com elas voltem a ter apoptose.

Infelizmente, existe uma Iodofobia média que é um medo injustificável de fazer uso de Iodo/Iodeto, inorgânico, não radioativo, dentro de uma dose que é sabido ser extremamente segura e eficaz na prevenção e tratamento de inúmeras patologias.
O Dr. Guy Abraham, um dos maiores autoridades mundiais na suplementação de Iodo afirma que a Iodofobia médica pode ter causado mais sofrimento e morte humana que as duas grandes guerras juntas, deixando de prevenir patologias com doses diárias de Iodo necessárias para a otimização física e saúde mental.
As duas formas de Iodo (Iodo & Iodeto) são usadas diferentemente por diferentes órgãos.
O esôfago, o estômago e a próstata usam Iodo. A tireóide, glândulas salivares e pele usam Iodeto. A mama usa tanto Iodo quanto Iodeto.
A solução de lugol é constituída de ambas as formas - Iodo + Iodeto.
O entendimento do NIS - simporter de Iodo e Sódio é fundamental na compreensão dos benefícios da suplementação com a solução de lugol. A formação do delta-iodolactona (Iodo-lípide), com doses mais altas de lugol, promove a apoptose de células cancerígenas. Portanto, o uso de solução de lugol é eficaz na prevenção de inúmeros tipos de câncer.
Os halógenos (fluor, cloro, bromo e iodo) competem entre si. A intoxicação com fluor, bromo e iodo, comum nos dias de hoje, interfere substancialmente na função tireoidiana. Infelizmente, muitos remédios possuem na sua composição halógenos. Fluoxetina possui fluor, bromazepan possui bromo,  agravando ainda mais o problema.
Uma das finalidades dessa apresentação é curar nos participantes a Iodofobia médica.
Imagem do frasco: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nada de desgosto, nem de desânimo; se acabas de fracassar, recomeça. Marco Aurélio

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...