segunda-feira, 30 de maio de 2016

Atitudes relaxantes

Respire Fundo
Inspira, expira…. Ficar atento à respiração é o primeiro passo para o relaxamento profundo. Separe alguns minutos do dia para praticar meditação indiana. Chamado de 5 por 8, o trabalho respiratório consiste em inspirar 5 minutos e expirar 8. A intenção é relaxar todos os músculos tensionados com o estresse do dia, para isso basta concentra-se no movimento e no barulho da inspiração e da expiração. Aproveite para alongar calmamente os músculos.

Reserve um tempo para você
Pode parecer demagogia, mas você tem sim que separar pelo menos uma hora para fazer aquilo que te faz bem. Seja almoçar com um amigo, ler um livro ou brincar com seus filhos. Ter um tempo para si, hoje em dia, é um luxo. O tempo parece cada vez mais escasso e as pessoas não sabem como administrá-lo. Tire uma horinha para pensar na vida e desligar-se do mundo. Saia de casa para dar um passeio e mentalize coisas boas , logo a sensação de bem-estar fará parte de sua rotina.

Apague as luzes
Meia luz cai bem para os momentos românticos e para as horas de relaxar. Transforme a casa em um ambiente verdadeiramente aconchegante, deixe a luz do sol entrar pelas frestas da janela ou acenda velas.  No centro da cabeça está a glândula pineal. Ela distingue o ambiente escuro do claro, levando a um relaxamento profundo do corpo e da mente quando há ausência de luz.

Chá Relaxante
As receitas das avós são menos infalíveis. Para acalmar, nada melhor do que uma xícara de chá de hortelã, camomila ou erva-doce. Só o aroma, durante a preparação da bebida, já relaxa. O chá desempenha papel importante no alivio do estresse. Seja quente ou frio, o chá provoca sensação e apura o paladar. A escolha do sabor contribui bastante para que isso aconteça.

Sinta o Perfume
Aromatizadores e óleos essenciais provocam sensações agradáveis. Perfume o quarto para um sono mais tranquilo e a sala para garantir o equilíbrio. Nem sempre podemos sentir o cheiro de campo, das plantações de camomila ou da lavanda. Com os aromatizadores, a casa ganha esse toque de natureza. O olfato, quando estimulado atua no sistema imunológico , cardiovascular e respiratório, além de combater o estresse e a ansiedade.

Automassagem
Com algumas gotas de óleo de massagem sobre a palma das mãos inicie a automassagem. A técnica ajuda o corpo a desligar da mente. Faça movimentos calmos e repetitivos nos ombros, braços, têmporas, pés e couro cabeludo. Aparelhos de massagem podem ajudar. A automassagem é um momento todo seu, de maior reconhecimento do corpo e da busca para se livrar da ansiedade. Em menos de 15 minutos você sentirá a diferença.

Pés descansados
Um método antigo, e muito eficiente, para relaxar é o escalda pés. Mergulhe seus pés em uma bacia com água morna e 5 colheres de sopa de sal grosso ou algumas gotas de essência de lavanda. No fundo, coloque bolinhas de gude para massagear a planta dos pés, é lá que estão importantes pontos energéticos do corpo. Mantenha-se em silêncio ou ouça uma música tranquila, enquanto sente o cansaço do corpo inteiro indo embora.

Escute musica
Procure um cantinho preferido da casa, feche os olhos e escute sua música preferida. Aprecie a melodia. Vale qualquer canção, desde que seja tranquila. Pode ser new age, instrumental ou clássica. Dê preferência àquelas que não trazem lembranças desagradáveis. Apenas escute-as.

Créditos: Professor Antonio Marinho

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Plantas que melhoram a circulação sanguínea

Quem tem problemas circulatórios sente pés, mãos e pernas inchadas, sensação de peso, desconforto, dormência e formigamento. É preciso ficar atenta aos sintomas e consultar um médico para avaliar a situação. Algumas plantas têm propriedades vasodilatadoras, reduzem a gordura acumulada nas artérias e no próprio sangue, estimulando e melhorando a circulação sanguínea.

Má circulação
A má circulação é um problema que atinge muitas pessoas e podem gerar muitas complicações para a nossa saúde. Está relacionado com predisposição genética, problemas de saúde, medicação e estilo de vida.

Combata o sedentarismo e o sobrepeso, adote uma rotina de exercícios físicos regulares, uma alimentação saudável e equilibrada, diminua o consumo de sal na sua dieta e mexa-se mais, evitando o efeito cadeira. Ficar muitas horas sentada é um veneno para a circulação!

Plantas que melhoram a circulação

Ginkgo Biloba: é um ótimo estimulante do sistema circulatório e cerebral. Tem propriedades antioxidantes e, segundo estudos, ajudaria na prevenção de demência e mal de Alzheimer. Uso em cápsulas e folhas.

Castanha da índia: é muito conhecida na medicina popular por auxiliar nos tratamentos de hemorróidas, varizes e problemas circulatórios. Uso em cápsulas, folhas, pó e principio ativo de cremes e sabonetes.

Centella asiática: é muito utilizada na estética para reduzir celulite, gordura localizada, estimular a produção de colágeno e melhorar a circulação sanguínea. Uso em cápsulas e cremes.

Erva de Santa Maria: é também conhecida como mastruz, tem propriedades anti-inflamatória e ativadora da circulação. Seu consumo é na forma de chá e tem efeitos colaterais severos quando tomada em excesso.

Gengibre, pimenta caiena, aipo, cebola e alho: estes alimentos são termogênicos, aumentam o gasto calórico e ativam a circulação sanguínea, ótimas opções para incrementar e temperar a dieta do dia a dia.

Chá de alecrim: é ótimo para a circulação e ainda combate o desânimo e a depressão. Use na forma de chá e especiaria.

Chá de cavalinha: com grande poder diurético, ajuda a diminuir a retenção de líquido e também melhora a circulação. Use na forma de chá.

Antes de se utilizar desses e de outros fitoterápicos, tenha em mente que tudo tem suas reações adversas, bem como há pessoas , que têm intolerância ou alergia a alguns de seus elementos. Por esse motivo, procure sempre a orientação do seu médico. Só ele poderá garantir que o fitoterápico não lhe fará mal, em qual dosagem deve ser tomado, e que seu uso não vai interferir com a medicação que você já está tomando.

Créditos: Lar Natural

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Crie a idade que quiser e viva-a!

O maior engano das pessoas é contar a idade pela soma dos aniversários. É como dizer que uma pessoa tem mais ou menos saúde de acordo com o número de refeições que faz. Ralph Waldo Emerson, filósofo norte-americano, disse que “nós não contamos os anos de um homem até que ele nada mais tenha a contar”. Para comprovar que não tem o menor fundamento essa maneira empírica de contar a idade, basta você olhar ao seu redor. 

Verá pessoas envelhecidas e desiludidas com vinte anos de idade e verá pessoas brilhantes, magnéticas, com setenta anos. Não aceite a propaganda constante que fala de velhice, esclerose, inutilidade, aposentadoria, imprestabilidade. Isso é mentira. A idade nada tem a ver com isso. Você tem a idade do seu espírito. Você somente está envelhecendo quando acreditar que está envelhecendo. 

Os valores mais fortes da vida, que mantêm uma pessoa vigorosa, sadia, jovem, produtiva, não envelhecem nunca. São o amor, a alegria, a paz de espírito, a bondade, a generosidade, a sabedoria, o poder mental, a felicidade, a lucidez, o ideal. E estes bens não são patrimônio exclusivo de uma fase da existência, mas se encontram em todas as idades. Você tem a idade dos seus pensamentos. No momento em que perder o interesse pela vida, você está envelhecendo. Quando você deixa de sonhar, está envelhecendo.

Quando você não procura mais estender a visão do seu futuro, registre no seu caderno de apontamentos que você começou a envelhecer. Você quer saber quando está se aproximando da perfeição? Precisamente no momento em que se fizer simples, leve, agradável, positivo e aberto, como as crianças. 

O grande Mestre disse: “Se não vos tornardes como crianças não entrareis no reino dos céus”. Tenha, pois, a idade espiritual da criança. Seja livre, confiante, alegre, simples, grato, amável, corajoso e fraterno, como as crianças. Acredite na vida, como as crianças. Confie nos outros, como as crianças. Viva o presente, como as crianças. Encare o futuro, como as crianças, sem medos e angústias antecipados.

Créditos: Lauro Trevisan

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Não há hormônios nos frangos no Brasil, mas há antibióticos, e isso pode ser um problema

A existência de hormônios nos frangos vendidos em supermercados do país é um mito já desmentido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Um estudo divulgado pelo órgão, em 2013, comprovou a ausência da sustância.
Ainda assim há motivos para preocupação em relação aos elementos utilizados para promover o crescimento das aves: no caso, antibióticos. O uso indiscriminado do remédio, que não é proibido por lei, pode levar ao surgimento de bactérias resistentes a tratamento, uma vez que o antibiótico mata os micro-organismos mais fracos, permitindo que os mais fortes se proliferem.
Uma pesquisa realizada em 2015 pela entidade de defesa ao consumidor Proteste, com 50 marcas de peitos de frango congelados comprados no supermercado, encontrou bactérias resistentes a antibióticos em todos eles.
Em 2008, a Anvisa já havia alertado para a questão após encontrar salmonelas (bactérias que causam doenças alimentares) resistentes a drogas em amostras de frango.
Essas bactérias, quando ingeridas pelos humanos na alimentação, podem causar infecções urinárias, gastrenterites e outros problemas graves, principalmente em grupos mais vulneráveis, como crianças e idosos.
Técnicos do Ministério da Agricultura explicam que o uso dos antibióticos é permitido, desde que seja cumprido um período para que a substância seja eliminada do organismo do animal antes do abate. Ainda assim, a questão preocupa pela insuficiência de fiscalização no país.
Uso de antibióticos em animais
Os mesmos remédios que são usados para tratar doenças em humanos -como tetraciclina, estreptomicina e penicilina- são usados na criação de bovinos, suínos e aves há mais de 50 anos. Não apenas para promover o crescimento rápido dos animais, mas também para combater micro-organismos que podem prejudicá-los.
O problema é que, mesmo após o remédio ser eliminado do organismo dos animais junto com as pequenas bactérias, ficam aquelas que criaram resistência ao remédio.
Os genes de resistência passam de célula para célula, sendo rapidamente transmitido para um grupo grande de micro-organismos. Da mesma forma, essas bactérias-mutantes, ou super-bactérias, passam de um animal para outro, e deles para o ser humano, causando doenças graves.
A contaminação dos seres humanos pode acontecer de muitas formas: pelas fezes, no caso de quem lida diretamente com os animais, ou pela alimentação, caso de consumidores.
Alimentos orgânicos
O uso dos antibióticos na criação dos animais segue permitido por lei não só no Brasil, mas em outros países, como os EUA, e isso não deve mudar tão cedo.
Além do lobby feito pela indústria farmacêutica, os antibióticos de fato promovem o crescimento mais rápido dos animais, sendo defendido pelos criadores. A não utilização dos remédios aumentaria o custo de produção, aumentando consequentemente o valor do produto. Cientistas também alegam que é difícil rastrear a origem de super-bactérias.
Entre as medidas que consumidores podem tomar, de primeira mão, está a opção pelo consumo de frango orgânico -geralmente criado por pequenos produtores sem o uso de nenhum produtos sintéticos, o que torna o alimento mais caro.
Grandes produtores, não orgânicos, também passaram a oferecer a opção isenta de antibiótico. O produto custa até 40% mais.  

Créditos: NexoJornal

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Você conhece todos os segredos para a proteção da sua saúde bucal?

A correria do dia-a-dia e a incansável busca por solucionar problemas acabam nos afastando de questões mais relacionadas à saúde. Você sabia que há alimentos que garantem os nutrientes necessários para a saúde geral e também auxiliam na proteção da saúde bucal? Eles são consagrados por eliminar resíduos de outros alimentos que ficam aderidos à superfície dental, um auxílio extra à escova e fio dental!
De acordo com dados da Associação Brasileira de Odontologia, 90% dos brasileiros sofrem de algum grau de doença periodontal, inflamações na gengiva ou no tecido que une o dente ao osso e pode levar a complicações. O Dr.Luiz Andrade, odontologista, explica que fazem parte da lista dos alimentos detergentes os ricos, principalmente, nas vitaminas A, B6, B12, C, D, E, K e ácido fólico, ou seja, frutas, legumes e verduras de modo geral. “Quando consumidas cruas ou cozidas no vapor garantem o efeito “detergente” na boca. 
Estes alimentos necessitam de um maior tempo de mastigação para promoção da auto- limpeza pelo atrito do alimento com o dente, favorecendo a higiene bucal”, diz. A ação destes alimentos é muito importante para a prevenção e diminuição de cáries e de doença periodontal, que ataca as gengivas.
Maçã, laranja, pêra, cenoura e demais frutos carnosos são os responsáveis pela promoção da limpeza.
Andrade alerta para a existência dos chamados ”alimentos adesivos”, que tendem a aderir aos dentes e aos espaços entre eles. Biscoitos, bolachas, doces e balas são exemplos desse tipo de alimento.
Créditos: Sorridents

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Um aliado poderoso chamado tomate



O suco de tomate não substitui a refeição. É ideal para intervalos. Rico em licopeno, vitaminas, fósforo, potássio, fibras e antioxidantes.

Se o assunto é a beleza da pele ou cabelos, cosméticos e tratamentos estéticos são citados de forma externa. Mas um rosto lisinho e cabelos sedosos, com aspecto saudável, também dependem de tratamentos internos e tudo o que ingerimos influi no aspecto do rosto e do corpo. Assim, os sucos ganharam status de poderosos aliados na hora de eliminar o acúmulo de toxinas, gorduras, açúcares e conservantes, e combater a sensação de inchaço, dor de cabeça e indisposição. E melhoram o funcionamento do intestino, ativam o sistema imunológico e aumentam a hidratação do corpo.

O bom e velho tomate virou um queridinho, principalmente o tipo “cereja”, de sabor mais adocicado. É rico em licopeno, substância antioxidante que combate os radicais livres, retarda o envelhecimento precoce do organismo, protege o sistema cardiovascular e ajuda a prevenir o câncer. Além disso é rico em vitaminas C, A e B9 e tem fibras e sais minerais como cálcio, fósforo, magnésio e potássio, que melhoram o desenvolvimento de dentes, ossos e músculos e protegem o sistema imunológico. As células processam os alimentos da melhor maneira possível e eliminam a gordura em excesso.

Tomate é tomate, e mesmo variando o formato ou sabor (mais doce ou mais ácido), os benefícios são iguais. Preparados como molhos, não perdem suas propriedades, mas podem ser mais calóricos por causa da adição de outros ingredientes. Daí o suco ser a alternativa mais natural.

Modo de preparo do suco: bata o tomate, couve, cenoura e pedras de gelo no liquidificador. Tempere a gosto com sal. Delicioso. Misture tomate, gengibre, abacaxi e água com gás. Refresca e sacia. E mais, coma tomate na hora do lanche, substituindo a fruta.

Na dúvida, fale com um nutricionista. Para quem pretende perder peso, a “tentação” é substituir a refeição pelo suco de tomate, mas isso não é recomendável, pois compromete a nutrição correta do organismo. Caloricamente, 100 ml de suco de tomate são iguais a uma porção de legumes, mas o suco não tem as mesmas quantidades de fibras dos legumes cozidos ou frescos. Nas receitas de sucos de tomate, a pimenta-do-reino moída na hora vem como aliada, pois acelera o metabolismo.

O tomate também aparece como ingrediente para tratamento externo da pele. Quem sofre com acne pode, duas vezes por semana, aplicar a polpa do tomate nas áreas afetadas, deixar agir por 20 minutos e enxaguar com água fria. A dica também vale para pele muito oleosa.


Suplemento semanal “D.A.Presente”do Diário de Aço – Bambamel Natural

sexta-feira, 13 de maio de 2016

As 4 maiores necessidades dele, as 4 maiores necessidades dela

Por Dave Willis
1. No relacionamento como todo, a maior necessidade dela é o amor e a maior necessidade dele é o respeito
O livro inovador "Amor e Respeito", de Emerson Eggerichs, descreve lindamente esse simples, porém profundo princípio de que a maioria das mulheres tem uma necessidade profunda e duradoura de amor e a maioria dos homens tem idêntica necessidade de respeito. Isso é revelado através de nossas palavras e ações. As mulheres anseiam por ouvir a frase "eu te amo" com frequência e honestidade, e os homens anseiam por ouvir com a mesma frequência frases de respeito e estima como "Obrigado" ou "Eu aprecio você".
2. No quarto, a maior necessidade dela é a sensibilidade, a maior  necessidade dele é a frequência
Não é sempre, mas os homens tendem a ter uma maior necessidade de alta frequência no quarto, só que eles também precisam ser sensíveis ao fato de que as esposas estão conectadas de maneira diferente. O prazer mútuo e a conexão no quarto requerem que o marido seja sensível às necessidades de sua esposa para conexão emocional e não apenas ao ato físico em si.
3. Na comunicação, a maior necessidade dela é a frequência, a dele é a atividade
A necessidade de uma comunicação frequente para a maioria das mulheres tende a ser tão importante quanto a necessidade de sexo frequente para a maioria dos homens. Quando eu digo "atividade" como uma necessidade de comunicação para os homens, quero dizer que as mulheres tendem a ver a comunicação/conversação como uma atividade em si, mas nós, homens, tendemos a basear a comunicação em torno de alguma outra atividade. Pode ser uma atividade tão simples como sair para dar uma caminhada, ou dirigir, ou a trabalhar juntos em um projeto. Isso tende a ajudar os homens a se abrir mais.
4. Em casa, a maior necessidade dela é a segurança e a dele é a paz
A maioria das mulheres quer que a casa seja um "lugar seguro" onde seu marido esteja trabalhando em parceria com ela para atender às necessidades da família, e proporcionar estabilidade e segurança (financeira, física e de todas as outras maneiras). A maioria dos homens quer que a casa seja um refúgio onde ele possa experimentar a tranquilidade longe das pressões do trabalho e da vida. Cada casa (especialmente com crianças e jovens) tem muitos momentos de barulho e caos, porém, acima de tudo, trabalhe em conjunto com o seu cônjuge para criar uma atmosfera de incentivo, apoio, segurança e tranquilidade para todos os que estão sob seu teto. 
Créditos: Família

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Ouça o seu corpo

Muitos problemas comuns que temos estão relacionados a nutrientes em falta no organismo. Aprenda a entender o que seu corpo quer dizer e, como você pode suprir as deficiências com alimentos adequados. Veja o que está faltando em seu organismo e onde encontra:

Falta de energia, cansaço, fadiga: ferro, zinco, vitaminas (A, C e E): verduras verde-escuras, frutas em geral, carnes magras, como peixes e frango.

Tensão pré-menstrual: isoflavonas, fitohosmonios: soja e derivados(missô, tofu ou shoyu), inhame, frutas vermelhas (cereja, amora e morango).

Irritabilidade, náuseas: magnésio: amêndoa e cereais integrais.

Compulsão a doces: cromo: cereais integrais, nozes, centeio, banana, espinafre, cenoura.

Cabelo e unhas fracas, pele sem viço e ressecada: vitaminas A e E: vegetais amarelos (mamão, cenoura ou abóbora) e sementes oleaginosas (nozes, castanha de caju ou castanha-do-pará).

Fragilidade óssea: cálcio: leite e derivados, gergelim, chia e verduras verde-escuras.

Desconforto intestinal: lactobacilos vivos: leite e derivados, gergelim, verduras verde-escuras.

Colesterol alto: ácidos graxos: semente de linhaça, cenoura e salmão – além de suplementos específicos.

Câimbra, dor de cabeça: potássio, magnésio: banana, cevada, milho, manga, pêssego, acerola e laranja.

Memória ruim: inositol: lecitina de soja e gema de ovo.

Triglicerídeos altos: ômega 3 e 6: sardinha, salmão, abacate, linhaça dourada e azeite de oliva.

É muito importante ter uma dieta balanceada constituída por proteínas, sais minerais, água e carboidratos, que são as fontes de energia e matéria prima para o funcionamento das células.

Créditos: Revista “SOS Saúde”

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Você tem o hábito de prestar atenção às mensagens não verbais (gestos, postura, expressão facial) de outra pessoa e o que elas podem significar?

As pessoas transmitem muito mais por meio das mensagens não verbais do que por meio de palavras. 

Os estudos do professor Albert Mehrabian (pioneiro da pesquisa da linguagem corporal) da Universidade da Califórnia, revelam que apenas 7% do significado de uma mensagem são feitos verbalmente, enquanto que 38% são transmitidos pelo tom de voz e 55% através da linguagem corporal. Isto é, comunicamos 93% da nossa mensagem de modo não verbal através do tom de voz, gestos, postura, jeito de nos conduzirmos e falarmos. 

Quando nossa linguagem verbal contradiz nossa linguagem não verbal, o resultado será uma distorção de comunicação e o interlocutor acreditará, não no que você disse, mas no que ele viu e sentiu. Desse momento em diante, ele passará a prestar atenção na postura e ignorará as palavras. A coerência entre o que dizemos e nossa conduta não verbal é essencial para que você gere confiança nas pessoas.


Pesquisa internet – Albert Mehrabian - Teste de comunicação  

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Veja os alimentos que ajudam no combate à flacidez

Para fortalecer e tornear seu corpo é preciso aliar a rotina de exercícios físicos, à alimentação saudável. É preciso incluir fontes de colágeno, antioxidantes, vitaminas, minerais e gorduras boas, que ajudam a proporcionar uma pele mais firme. Pães, massas e bolos feitos com farinha branca e itens industrializados causam danos às fibras de sustentação e prejudicam a estrutura da pele, piorando o aspecto da flacidez. A seguir, uma lista do que acrescentar na dieta.
Frutas vermelhas
Amora, morango, mirtilo, framboesa e cereja são ricas em antioxidantes, que dificultam a ação dos radicais livres sobre a pele – eles danificam o tecido, prejudicam a elasticidade e causam celulite. Consuma um punhado de uma delas por dia, salpicadas na salada de frutas, na forma de suco ou batidas com iogurte desnatado.
Abacate
Contém gorduras monoinsaturadas (boas para o organismo), que ajudam a preservar a elasticidade. Três colheres de sopa por dia são suficientes. Pode ser incluído na salada ou batido com iogurte desnatado.
Frutas cítricas
Kiwi, laranja, acerola, goiaba são ricos em vitamina C e colaboram para a formação do colágeno. Inclua uma unidade por dia no cardápio. Se for limão, use para temperar a salada ou como limonada.

Abóbora, cenoura e manga
São ótimas fontes de vitamina A, que auxilia na produção das fibras de colágeno. Garanta pelo menos uma delas todos os dias em alguma das principais refeições.


Cereais integrais, amêndoas, nozes, grão-de-bico e feijão
Possuem zinco, nutriente essencial para a cicatrização e formação de colágeno. Cinco nozes ou amêndoas e uma concha de feijão ou grão-de-bico já são a quantidade diária ideal.
Aveia
O cereal é fonte de silício, mineral fundamental para a produção de colágeno. Coma até 2 colheres de sopa por dia.

Créditos: Revista Marie Claire

domingo, 1 de maio de 2016

Amor e luz – Riquezas do coração

Por Wagner Borges

Quem ama, compreende.
Sabe que os corações se tocam, mesmo à distância.
Reconhece a sintonia, para além dos sentidos.
Viaja na alegria de sentir. Fica alegre por existir.
Quando há amor, os olhos brilham muito.

Por onde se olha, tudo parece mais vivo.
Por onde for, é dois em um: há outro coração no seu.
Mas, só quem ama realmente é que sabe disso.
A mente é incapaz de entender tal coisa.
Pois isso não se explica, só se sente...
Quando há amor, a aura brilha e os chacras tornam-se sóis.
Toda sujeira psíquica é transformada, e tudo que é trevoso se afasta.

E não é preciso dizer nada. A luz se comunica com a luz.
Assim como o amor chama o amor. E a sintonia liga os seres.
Quem ama, sabe. Há outro coração no seu.
E o sol em seus olhos já diz tudo.
Pode-se explicar isso? Não, não! Isso só se sente...
E quem sente, sabe que, quando o coração fala ao coração,
Não há mais nada a dizer.

P.S.: Há coisas que não são da Terra, e o mundo não pode dar.
Estão além dos sentidos. São coisas da alma.
Mas bem poucos sabem disso.
Há uma riqueza que a traça não rói, e o tempo não destrói.
É a luz que mora no coração.
Quem ama, sabe. Reconhece o valor e luta por ele.
E o seu semblante fica lindo. Como o sol.
Pois a luz chama a luz, assim como o amor chama o amor.
E existe algo mais lindo que isso?


Wagner Borges é pesquisador espiritualista, projetor extrafísico, conferencista, consultor da Revista UFO e colaborador de várias outras revistas

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...