terça-feira, 29 de setembro de 2015

O meu suflê não cresceu o suficiente. O que fazer?

Imagem: Reprodução (conquiste sua vida)
O segredo para fazer um bom suflê é o ponto das claras em neve. Elas devem triplicar de volume para que estejam no ponto adequado e devem ser a última etapa da receita a ser feita, para não perder o ar incorporado. 

Ao contrário de outras receitas, o que faz o suflê crescer são as claras em neve e não a adição de fermento. Também por esse motivo, o ideal é que o suflê seja consumido logo após sair do forno, pois as claras em neve não resistem muito tempo à temperatura ambiente e logo fazem o suflê murchar. 

Em outras receitas que levam claras em nenê, a estrutura é mantida por conta da quantidade de farinha, mas no caso do suflê temos pouquíssima ou nenhuma farinha adicionada. Uma boa dica para um melhor resultado é untar as laterais do recipiente a ser utilizado (o ideal são recipientes, de porcelana) com manteiga e polvilhar queijo parmesão (para as receitas salgadas) ou açúcar cristal (para as receitas doces) e, depois disso, levar o recipiente ao congelador por alguns instantes, para deixar a manteiga bem firme, antes de colocar a massa. 

Coloque a massa de forma a ultrapassar a quantidade do recipiente e nivele com o auxilio de uma faca. E não esqueça de deixar o forno preaquecido, o que oferece ao suflê a temperatura ideal para ser assado, garantindo um resultado perfeito.
Bom apetite!


Créditos: Revista Nestlé com você

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Se não quiser adoecer

Se não quiser adoecer - "Fale de seus sentimentos"
Emoções e sentimentos que são escondidos, reprimidos, acabam em doenças como: gastrite, úlcera, dores lombares, dor na coluna... Com o tempo a repressão dos sentimentos degenera até em câncer. Então vamos desabafar, confidenciar, partilhar nossa intimidade, nossos segredos, nossos pecados. O diálogo, a fala, a palavra, é um poderoso remédio e excelente terapia.

Se não quiser adoecer - "Tome decisão”
A pessoa indecisa permanece na dúvida, na ansiedade, na angústia. A indecisão acumula problemas, preocupações, agressões. A história humana é feita de decisões. Para decidir é preciso saber renunciar, saber perder vantagem e valores para ganhar outros. As pessoas indecisas são vítimas de doenças nervosas, gástricas e problemas de pele.

Se não quiser adoecer - "Busque soluções"

Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas. Preferem a lamentação, a murmuração, o pessimismo. Melhor é acender o fósforo que lamentar a escuridão. Pequena é a abelha, mas produz o que de mais doce existe. Somos o que pensamos. O pensamento negativo gera energia negativa que se transforma em doença.


Se não quiser adoecer - "Não viva de aparências” Quem esconde a realidade finge, faz pose, quer sempre dar a impressão que está bem, quer mostrar-se perfeito, bonzinho, está acumulando toneladas de peso... Uma estátua de bronze, mas com pés de barro. Nada pior para a saúde que viver de aparências e fachadas. São pessoas com muito verniz e pouca raiz. Seu destino é a farmácia, o hospital, a dor.

Se não quiser adoecer - "Aceite-se"
A rejeição de si próprio, a ausência de auto-estima, faz com que sejamos algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável. Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é sabedoria, bom senso e terapia.

Se não quiser adoecer - "Confie”
Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria liames profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras. Sem confiança, não há relacionamento. A desconfiança é falta de fé em si, nos outros e em Deus.

Se não quiser adoecer - "Não viva SEMPRE triste!”
O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa. A pessoa alegre tem o dom de alegrar o ambiente em que vive.

"O bom humor nos salva das mãos do doutor". Alegria é saúde e terapia.

Dr. Dráuzio Varela

Créditos: Recebido por e-mail (Zelma Jane Pereira)

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Primavera: época de desintoxicação

Quando falamos em desintoxicação, pensamos em dois órgãos: fígado e rins. O primeiro metaboliza e o segundo elimina. Uma nutrição mais inteligente, e aumentar as eliminações são as duas regras principais da desintoxicação.

1) Beba mais água. A água é o veículo usado pelo organismo para as eliminações. Quanto mais água, mais fácil será desintoxicar-se. Beba 8 copos ao dia. O chá de cavalinha ajuda nas eliminações, e o chá verde tem grande poder anti-oxidante. Sucos de frutas frescas também ajudam. A bétula tem um papel importante na desintoxicação, na forma de elixir, chá ou diluição, e deve ser usada por pessoas acima de 35 anos.

2) Evite os alimentos que “intoxicam”, como picles, salsicha, enlatados, defumados, churrasco, alimentos preservados em sal, frituras, gorduras, açúcar, refrigerantes e doces. Diminua a quantidade de proteína animal (carne, leite, ovos).

3) Aumente a ingestão de alimentos que ajudam a combater os radicais livres e têm poder anti-oxidante, como beterraba, brócolis, espinafre, cenoura, tomate, abóbora, castanha-do-Pará e cereais integrais, e entre as frutas, morango, acerola, laranja, ameixa, uva, maçã e manga.

4) É importante que os alimentos sejam produzidos sem agrotóxicos, e os que podem ser ingeridos crus vão guardar melhor suas propriedades – a exceção é o tomate que, cozido, concentra mais o licopeno. Evite dietas de baixo valor calórico, pois a perda rápida e exagerada de peso traz mais prejuízos que benefícios à saúde. Atividade física leve, mas que faça suar, é recomendada. Exercícios físicos regulares aumentam a capacidade de desintoxicação pelo fígado. Se você está sedentário, uma avaliação médica é necessária antes de começar.

5) Cigarro é igual à doença. Se você fuma, chegou a hora de parar!


Créditos: Dr. Nilo Gardin Diretor-Médico da Weleda do Brasil

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Raciocínio inteligente de um professor

Um professor de economia em uma universidade americana disse que nunca havia reprovado um só aluno, até que certa vez reprovou uma classe inteira.


Essa classe em particular havia insistido que o socialismo realmente funcionava: com um governo assistencialista intermediando a riqueza ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e justo.
O professor então disse: "Ok, vamos fazer um experimento socialista nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos suas notas nas provas”. Todas as notas seriam concedidas com base na média da classe e, portanto seriam “justas”. Todos receberão as mesmas notas, o que significa que em teoria, ninguém será reprovado, assim como também ninguém receberá um "A".
Depois de calculada a média da primeira prova todos receberam "B". Quem estudou com dedicação ficou indignado, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado.
Quando a segunda prova foi aplicada, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Já aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se aproveitariam do trem da alegria das notas. Como resultado, a segunda média das provas foi "D". Ninguém gostou.
Depois da terceira prova, a média geral foi um "F". As notas não voltaram a patamares mais altos mas, as desavenças entre os alunos, a busca por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela classe. A busca por “justiça” dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma. No final das contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar o resto da sala. Portanto, todos os alunos repetiram aquela disciplina... Para sua total surpresa.
O professor explicou: "O experimento socialista falhou porque quando a recompensa é grande o esforço pelo sucesso individual é grande". Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros para dar aos que não batalharam por elas, então ninguém mais vai tentar ou querer fazer seu melhor. Tão simples quanto o exemplo de Cuba, Coréia do Norte, Venezuela. E o Brasil e a Argentina, que estão chegando lá”...
1. Você não pode levar o mais pobre à prosperidade apenas tirando a prosperidade do mais rico; 2. Para cada um recebendo sem ter que trabalhar, há uma pessoa trabalhando sem receber; 3. O governo não consegue dar nada a ninguém sem que tenha tomado de outra pessoa; 4. Ao contrário do conhecimento, é impossível multiplicar a riqueza tentando dividi-la; 5. Quando metade da população entende a idéia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade,  chegamos ao começo do fim de uma nação.
É o mais puro retrato do Brasil que vivemos.

Recebido por e-mail

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Linda homenagem de amor

Clovys Torres, namorado de Betty Lago, usou seu perfil no Facebook para prestar uma homenagem à atriz, que morreu vítima de câncer na madrugada desse domingo (13), no Rio de Janeiro. 

"Rompendo o silêncio para agradecer as inúmeras mensagens de carinho e amor que recebi neste domingo triste. Carinho é sempre bom, eu gosto e respeito. Amor então nem se fala! E AMOR foi o que vivi com a mulher linda, geniosa e incomparável Betty Lago, de troca ainda me diverti com a palhaça, abusada, comunicadora e sonhadora atriz. Estávamos cheios de sonhos e planos! Sim, nós fomos felizes. 

Nós queríamos montar uma peça, escrever roteiros juntos, fazer teatro no Japão, mergulhar em Noronha, cultivar jardins no interior, correr na praia do Leblon, tomar café em NY, cuidar de nossos cachorros, curtir as famílias, descobrir coisas novas, dançar outras músicas, cultivar amigos, colecionar histórias e emoções. Nós queríamos o mundo e isso não era sonho. fomos donos do nosso mundo (reinventado a cada dia) durante o tempo que nos foi permitido. Rimos feito duas crianças, sem motivo, sem razão.. Não nos levávamos a sério, nos jogamos no olho do furacão..Tudo às claras, sob a benção da Lua. 

Vivemos a comédia e um pouco de drama também. E posso falar? Eu amava os olhos de Betty Lago! Dois faróis que ampliaram meu ser no mundo. Não discutíamos doenças, falávamos da saúde do nosso encontro, olhos atentos ao necessário que se apresentava cotidianamente em nossos corpos. 

Betty foi brincar noutra esfera. Eu fiquei mais triste, saudoso, "meio carioca"! Foi bom demais e será sempre! Betty foi e levou com ela um pedaço de mim, isso não me diminui, me multiplicou e tem direito a um tanto do meu ser. Eu estou enorme, cheio de amor, grato pelo nosso encontro, nosso amor. Vá em paz Betty Lago, mas na certeza de que ficará pra sempre no meu coração!".


Créditos: Terra

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

O propósito real da vida

Tudo na vida se aprende, e o aprendizado surge de várias maneiras, algumas até mesmo inusitadas. Aprendemos até mesmo quando achamos que não estamos aprendendo.
Viver é um desafio tremendo, apesar de ser a maior dádiva de Deus. Existem diversos fatores para que possamos usufruir dessa maravilha, não podemos focar nossa vida apenas no fato de “está vivo” precisamos de fato viver.
Quantas pessoas não estão “vivas” mas de fato não vivem? Parece algo contraditório mas é a realidade. Muitos acham que estão vivos mas estão mortos.
Quando morremos? Quando perdemos o sentido real da vida, o qual é, ser feliz, completo, alegre, determinado, apto a lutar e vencer qualquer que seja a situação. Morremos quando temos medo do novo, de atravessar o horizonte e ver o que tem do outro lado, morremos quando deixamos os nosso sonhos de lado para seguir o de outras pessoas, morremos quando nos acomodamos a uma vida parada e sem propósitos.
Deus foi tão gracioso com o ser humano, que mesmo morrendo diversas vezes, Ele sempre nos dá a chance de ressuscitar, renascer, dar a volta por cima.
Portanto, se você se sente morto, esse é o momento de levantar-se e sair para fora, não aceite "está vivo" e não viver, viva, seja feliz, alcance seus objetivos, crie metas, sonhe e mais que isso, realize.

Somos os seres mais capacitados dessa terra, se conseguirmos acreditar nisso, não existe nada que nos impeça de vencer e sermos felizes. A vida perdeu o sentido para muitos, porque eles deixaram o sentido real de lado, ainda é tempo de voltar a viver.
Solte as suas asas e voe, mas voe alto, você é capaz, a força está dentro de você, acredite e vença.
Créditos: Júnior Pereira, Palestrante, Psicanalista e escritor.

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Máscara facial tensora “efeito-Cinderela”

A face reflete nossas emoções, como alegria e tristeza, através da contração da musculatura mímica. Esta máscara tensora firma a flacidez, provocando o chamado “efeito Cinderela”, com uma duração de 3:00 a 5:00hs, proporcionando aparência renovada. 

Com o uso continuado, dá firmeza à epiderme, limpa, clareia, desintoxica, estimula o colágeno e elastina, melhorando os aspectos gerais do envelhecimento cutâneo.

Máscara facial de argila verde, aloe vera e óleo de gerânio
1 colher (sopa) de argila verde
10 gotas do extrato de aloe vera
3 gotas de óleo de gerânio
Soro fisiológico
Modo de preparo: misturar a argila em um recipiente de plástico ou porcelana com soro fisiológico, até formar uma pasta homogênea. Acrescentar o extrato de aloe vera e o óleo de gerânio e misturar novamente. Uma vez pronta, a máscara deverá ser aplicada com um pincel em movimentos ascendentes, na face, pescoço e colo. Manter longe dos olhos. Deixar atuar por 30 minutos, sem fazer movimentos com os músculos faciais.

Deve ser retirada com água morna e uma esponja bem macia, em movimentos vagarosos de dentro para fora. É normal sentir uma sensação de vermelhidão, isso porque melhora a circulação e a vitalidade da pele. Em seguida, passar o hidratante, loção nutritiva ou creme rejuvenescedor.
Fazer esta máscara duas vezes por semana.

Obs: também pode ser usada a argila branca, que tem o ph mais próximo à pele.


Sugestão da máscara: Phytoterápica
Créditos: Esteticista Luciana Brasileiro - Bambamel Natural

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Nossas escolhas nos definem

A sociedade vive hoje um momento interessante. A internet, abriu a possibilidade de acesso a um número ilimitado de informações. O mesmo acontece nas redes sociais onde o ser humano comum se mostra. Nada de errado nisso, desde que seja de forma responsável, consciente e ética.

Somos prisioneiros de algumas leis inevitáveis da natureza e uma delas é a do movimento x tempo. Assim desde crianças, começamos alavancar nossa vida com as mais simples decisões. Entrar ou sair, sentar ou levantar, brincar ou estudar. Toda a escolha que fazemos, em nosso dia a dia, mesmo a mais simples, determina o rumo de nossa vida, isso nos torna os reais protagonistas de nossa existência.

Dessa forma, quanto maior for a liberdade, seja de expressão ou de ação, mais exercitamos o nosso livre arbítrio, e pagamos um tributo por isso: o de ser o responsável pelos resultados obtidos em nossa vida. Temos a tendência de culpar os outros ou o destino pela nossa sorte, mas nós somos os reais agentes de nossa vida. Sarte, um filósofo francês, disse com muita propriedade que a vida consiste em ficar se equilibrando o tempo todo entre escolhas e consequências.

Voltando ao momento presente: é muito importante fortalecer a própria vontade e escolher alinhado com os seus verdadeiros valores e desejos mais profundos, em busca de um trabalho e uma vida com mais propósito.

Á noite, quando colocar a cabeça em seu travesseiro, perceba como se sente. Faça uma auto-análise, verifique se suas metas e os seus ideais estão em sintonia. O que e quem você tem defendido ou atacado, ou ainda, se está se sentindo feliz ou está saudável. Se algo não estiver bem, tome consciência das escolhas que vem fazendo e mude. Só você pode.


Créditos: Marcia Rindeika – Jornalista e Terapeuta

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Suco estimulante da tireóide

Ingredientes:
1 folha de alga desidratada (chlorella)
10g de brócolis
2 laranjas
1 pêssego
Modo de preparo: prepare o suco de laranja. No liquidificador, bata-o com os outros ingredientes.

Dose recomendada: tomar três vezes ao dia, entre as refeições.
Principais elementos terapêuticos
Alga: possui iodo, que regula a tireóide.
Pêssego: é remineralizante.
Laranja: também possui iodo, cuja deficiência causa hipertireoidismo, que desencadeia aumento de peso.


Créditos: Lelington Lobo Franco – químico e fitologista

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...