terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Os alimentos e suas funções

A seguir, você tem algumas informações sobre a função e composição nutricional dos alimentos, para que fique mais fácil escolher e preparar uma alimentação equilibrada, saudável e saborosa.

Abóbora
Componentes nutritivos: é rica em vitamina A. Também possui carboidratos, vitaminas do complexo B, vitamina C, ferro, cálcio, fósforo e fibras.
Funções:
Indispensável à visão.
Conserva a saúde da pele.
Auxilia o crescimento.
Participa da formação de ossos e dentes.
Pode ser consumida de diferentes formas, como saladas, cozidos, refogados, sopas, purê, pães, bolos e doces. As sementes podem ser torradas e consumidas como aperitivo.

Abobrinha
Componentes nutritivos: contém cálcio, fósforo, ferro, fibras e pequena quantidade de vitaminas A e do complexo B.
Funções:
Ajuda na formação dos ossos e dentes.
Evita a fadiga mental.
Favorece a visão e a pele.
Auxilia no bom funcionamento do intestino. Evite descascar a abobrinha. Ela pode ser preparada com a casca.


Agrião
Componentes nutritivos: é rico em vitamina C, além de conter vitaminas A e do complexo B, iodo, cálcio, fósforo, ferro, sódio e fibras.
Funções:
Importante para a visão e para manter a saúde da pele.
Ajuda na formação dos dentes e ossos.
Auxilia no processo de digestão dos alimentos.
Contribui para a produção dos glóbulos vermelhos do sangue. Pode ser usado cru em saladas, sozinho ou misturado com outras hortaliças, e em sucos com diversas frutas. Os talos podem ser usados em sopas, misturados ao arroz, como recheio de suflês e bolinhos.

Alface
Componentes nutritivos: possui boa quantidade de vitaminas A, C e do complexo B, além de cálcio, ferro, fósforo e fibras.
Funções:
Favorece o funcionamento normal do intestino.
Auxilia a boa visão. 
Combate o estresse e a insônia.
Atua na formação de ossos e dentes. Os tipos mais comuns de alface são: crespa, roxa, lisa e americana.

Alho
Componentes nutritivos: possui vitaminas C e do complexo B, cálcio, fósforo, ferro, sódio, iodo e potássio.
Funções:
Atua no sistema nervoso.
Ativa a circulação do sangue.
Aumenta a resistência imunológica do organismo.
Ajuda a controlar a pressão sanguínea e os níveis de colesterol.
É um ótimo tempero. Uma dica saudável é usar mais alho e menos sal nas preparações. Se armazenado com casca, em local fresco e arejado, conserva se por mais tempo. Se estiver descascado, o ideal é guardar na geladeira, embrulhado em saco plástico transparente. Durante o preparo, evitar torrar, queimar ou dourar demais para não perder as propriedades nutritivas.

Almeirão
Componentes nutritivos: possui vitaminas A, do complexo B, cálcio, fósforo, ferro, fibras e menor quantidade de potássio e vitamina C.
Funções:
Atua na formação dos ossos, dentes e sangue.
Alivia o cansaço.
Bom para a visão, pele e mucosas.
Essencial ao crescimento.
O almeirão possui poucas calorias, da mesma forma que todos os folhosos. É uma hortaliça consumida no preparo de saladas e pratos quentes, podendo substituir a couve, o espinafre e a chicória.

Dica: como comprar frutas e hortaliças
Escolher frutas e legumes frescos, firmes, reagindo a uma leve pressão dos dedos (sem apertar), de boa aparência, sem sinais de danificação por insetos, nas cores características, conforme o grau de maturação. Escolher as verduras de folhas limpas, viçosas, de cores brilhantes, sem marcas de pragas, com talos firmes.

Batata-Doce
Componentes nutritivos: é rica em carboidratos. Possui também vitaminas A, C e do complexo B, cálcio, fósforo e ferro.
Funções:
Boa fonte de energia para o organismo.
Ajuda no crescimento, na boa visão e conserva a saúde da pele.
É encontrada em diversas variedades, nas cores externas branca, amarela e roxa. Ao prepará-la, basta cozinhar com a casca em água fervente e com a panela tampada, para diminuir a perda de nutrientes.




Batata-Inglesa
Componentes nutritivos: é rica em carboidratos.
Também possui vitaminas do complexo B sódio, potássio, cálcio, fósforo e ferro.
Funções:
Boa fonte de energia para o organismo.
Ajuda na formação dos ossos e dentes.
Contribui para regular o sistema nervoso. É bom evitar comprar batatas com brotos ou com manchas esverdeadas, pois têm menor qualidade nutritiva.

Berinjela
Componentes nutritivos: possui vitaminas do complexo B, cálcio, fósforo, sódio e ferro. 
Funções:
Seu consumo é recomendado para pessoas com problemas de artrite, gota, reumatismo e inflamações da pele.
Sabedoria popular: seu suco é diurético e recomendado nos casos de inflamações dos rins, bexiga, uretra e controle de colesterol. As pessoas têm o hábito de mergulhar a berinjela em água e sal antes do preparo, mas esse procedimento anula o seu sabor e grande parte de suas propriedades nutritivas.

Beterraba
Componentes nutritivos: possui carboidratos, vitaminas C e do complexo B, cálcio, fósforo e pequena quantidade de ferro.
Funções:
Auxilia na prevenção da anemia, principalmente quando preparada em forma de suco, com laranja e limão.
O suco da beterraba é tônico, refrescante e diurético, com ligeiro efeito laxante.
Pode ser consumida de diversas maneiras: em saladas, cruas ou cozidas, em sopas, no feijão ou mesmo batida no liquidificador com laranja ou com leite.
Dica: As folhas e talos da beterraba são ricos em nutrientes e podem enriquecer os cardápios.

Brócolis
Componentes nutritivos: possui boa quantidade de ferro, fósforo, cálcio, vitaminas A, C e do complexo B.
Funções:
Auxilia a boa visão.
Atua na formação dos dentes e ossos.
Atua na prevenção da anemia.
Seu consumo frequente está associado à redução do risco de câncer. Deve ser comprado bem verdinho. Utilizam-se as folhas, as flores e os talos.

Dica: os vegetais como brócolis, repolho, couve, couve-flor e couve de Bruxelas devem ser cozidos no vapor ou refogados em panela destampada e com pouca água a fim de evitar cheiro e sabor forte e desagradável. Também é adequado cozinhar por pouco tempo para manter a cor.

Imagem: Dom Mercatto
Cará
Componentes nutritivos: é rico em carboidratos. Possui também vitaminas do complexo B, cálcio, fósforo, ferro e potássio.
Funções:
Tem grande poder energético (é essencial na alimentação daqueles que gastam muita energia).
Estimula o apetite, o crescimento e auxilia o processo de digestão.
Contribui para regular o sistema nervoso.
Combate o estresse.
Costuma ser confundido com o inhame, mas são duas raízes que pertencem a plantas de variedades diferentes.

Cebola
Componentes nutritivos: possui fósforo, ferro, cálcio, vitaminas C e do complexo B.
Funções:
Fortalece os ossos e dentes.
Contribui para regular o sistema nervoso.
É a base de todos os temperos, combina e oferece um sabor especial a quase todos os tipos de pratos. Atenção: Para quem tem problemas de formação de gases, a cebola crua não é recomendada.

Cenoura
Componentes nutritivos: é uma grande fonte de vitamina A. Também possui fósforo, cálcio, potássio, sódio, vitaminas C e do complexo B.
Funções:
Contribui para o bom funcionamento da visão, da pele, das mucosas e dos cabelos.
Ajuda na formação dos dentes e ossos.
Ajuda a regular o sistema nervoso.
Auxilia no processo de digestão dos alimentos.
Combina com vários alimentos e pode ser preparada com casca na forma de sopas, saladas (cruas ou cozidas), cremes e sufl ês.
Dica: As folhas da cenoura são ricas em vitamina A e podem ser preparadas em sopas ou refogados.

Chuchu
Componentes nutritivos: possui vitaminas do complexo B, vitamina C, sódio, potássio, cálcio, fósforo e ferro.
Funções:
Contribui para a saúde da pele.
Ajuda na formação dos ossos, dentes e sangue.
Estimula o apetite.
Pode ser preparado de várias formas: refogado, em sufl ês, omeletes, saladas e sopas. O chuchu pode ser preparado com casca (especialmente aqueles mais novos).

Couve
Componentes nutritivos: é um vegetal muito rico em ferro, cálcio, fósforo e fibras, além de conter boa quantidade de vitaminas A, C e do complexo B.
Funções:
Ajuda a prevenir e combater a anemia.
Ajuda na formação dos ossos e dentes.
Recomendada nos casos de prisão de ventre.
Dica: os talos da salsinha, por exemplo, possuem praticamente a mesma quantidade de vitamina C da laranja.

Couve-Flor
Componentes nutritivos: possui vitaminas A, C e do complexo B, cálcio, sódio, fósforo e ferro. 
Funções:
Colabora na formação de dentes e ossos.
Suas folhas verdes são muito eficazes no combate à anemia.

Espinafre
Componentes nutritivos: possui ferro, fósforo, magnésio, vitaminas A, C e do complexo B. 
Funções:
Combate o escorbuto (problema na gengiva).
Importante na regulação do sistema nervoso.
Estudos mostram que o ácido oxálico presente no espinafre pode interferir na absorção do cálcio presente no leite e seus derivados, por isso, o consumo cru deve ser moderado.

Imagem: Fitnesse Magazine
Inhame
Componentes nutritivos: rico em carboidratos; possui também cálcio, fósforo, sódio, ferro e vitaminas do complexo B.
Funções:
Contribui para a formação dos ossos, dentes e sangue.
Auxilia o crescimento e o desenvolvimento.
Bom para pele.
Facilita o processo de digestão dos alimentos.
Da mesma forma que o cará, o inhame é um alimento altamente energético. Pode ser preparado como a batata, podendo substituí-la em grande parte das receitas.

Mandioca
Componentes nutritivos: é muito rica em carboidratos. Possui também vitaminas do complexo B, cálcio, fósforo e ferro. A mandioca amarela tem ainda vitamina A.
Funções: é um alimento altamente energético.
Promove o crescimento saudável.
Conserva a saúde da pele.
Da mandioca se faz vários produtos (farinhas, polvilho, etc.). Conforme o tipo, a cor da polpa da mandioca deve apresentar cor branca ou amarelada uniforme, e a casca deve soltar com facilidade. Não comprar as que tiverem a polpa arroxeada ou com riscas pretas. Para conservar a mandioca por mais tempo, é bom descascar e guardar em vasilha destampada com água na geladeira.

Mandioquinha (ou batata baroa)
Componentes nutritivos: é rica em carboidratos. Também possui cálcio, sódio, potássio, fósforo e vitaminas A, C e do complexo B.
Funções:
Altamente energética.
Importante na formação dos ossos e dentes.
Auxilia no processo de digestão dos alimentos.
Evita problemas de pele e do sistema nervoso.
A mandioquinha é ideal para acompanhar todos os tipos de carne. Ou pode se transformar em um delicioso purê.

Quiabo
Componentes nutritivos: possui vitaminas A, C e do complexo B, cálcio, fósforo e pequena quantidade de ferro.
Funções:
Bom para a pele, mucosas e visão.
Ajuda no processo de crescimento.
Atua na formação dos ossos, dentes e sangue.
Não quebrar a pontinha do quiabo para testar sua qualidade, isso só aumenta o desperdício de alimentos.

Repolho
Componentes nutritivos: possui vitaminas C e do complexo B, ferro, cálcio, sódio, fósforo, potássio e fibras.
Funções: 
Pode ser utilizado no tratamento das anemias.
Ajuda na constituição dos ossos e dentes.
Recomendado contra as infecções e hemorragias.
Ajuda no funcionamento do intestino.
Pode ser usado em saladas, sopas, ensopados, suflês e refogados, além de outras opções, como o “charuto” da culinária árabe.

Imagem: Horticeres Sementes

Rúcula
Componentes nutritivos: possui vitaminas A e C, cálcio e ferro.
Funções:
Importante para a saúde da pele e da visão.
Fortalece o cabelo.
Auxilia no desenvolvimento de ossos e dentes. Possui sabor picante, embora seja mais forte e mais amargo. Pode ser preparada crua, em saladas, ou refogada. É também uma ótima opção de recheio para pizza.

Taioba
Componentes nutritivos: possui vitaminas C e do complexo B, potássio, ferro, fósforo, cálcio e fibras.
Funções:
Boa para a pele, cabelos e unhas.
Previne cãimbras.
Ajuda a fortalecer ossos e dentes.
Importante para o bom funcionamento do intestino. Os talos da taioba podem ser utilizados no preparo do arroz, farofas, sopas e refogados. Antes de picar, basta retirar a película dos talos com o auxílio de uma faca.

Tempero Verde (Salsa e Cebolinha)
Componentes nutritivos: ricos em vitaminas A, C e do complexo B, cálcio e fósforo. Possui também pequena quantidade de ferro.
Funções:
Excelente na formação de ossos e dentes.
Estimula o apetite.
Mantém a saúde da pele e promove o crescimento.
Os temperos verdes, ou simplesmente cheiro verde, combinam salsa e cebolinha na proporção ideal para deixar as receitas deliciosas. Eles também devem ser usados nas refeições para substituir parte do sal.
Dica: os talos da salsa são ricos em vitamina C e podem ser preparados em sopas, sucos, farofas, patês e em outras receitas.

Tomate
Componentes nutritivos: possui vitaminas A, C e do complexo B, fósforo, ferro, sódio, potássio, magnésio e cálcio.
Funções:
Auxilia a boa visão.
Dá resistência aos vasos sanguíneos.
Evita a fragilidade dos ossos. Combinam com várias receitas: saladas, refogados, molhos, sopas, picles e sucos. Os maduros possuem até quatro vezes mais vitamina A do que os verdes.

Vagem
Componentes nutritivos: possui ferro, sódio, fósforo, cálcio, fibras, vitaminas A, C e do complexo B.
Funções:
Colabora na formação dos ossos e dentes.
Ajuda nos casos de anemia.
Estimula as funções do intestino. Entre as vagens mais comuns estão a vagem-de-corda e a vagem-de-metro. Elas também são conhecidas como feijões-verdes.

Os temperos na culinária
Têm um caráter muito pessoal. Os aromáticos, como cebolinha, salsa, coentro, hortelã, manjericão, tomilho, orégano e louro, podem ser usados sozinhos ou combinados entre si. As especiarias são as partes secas de plantas aromáticas. As mais comuns são: açafrão, cominho, cravo, gengibre, gergelim, canela, noz-moscada e pimenta do reino. Tem ainda os condimentos usados para acentuar o sabor dos alimentos, como alho, cebola e vinagres.


Créditos: Dicionário dos Alimentos – Prefeitura Belo Horizonte - PHB - Segurança Alimentar e Nutricional

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A coisa mais difícil de ver é precisamente o que está diante dos seus olhos. Goethe

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...