segunda-feira, 18 de julho de 2016

Perigos do mundo digital

Necessidade de estar conectado o tempo todo à internet, principalmente, ao celular se tornou um vício, que está interferindo nas tarefas diárias e provocando falhas cognitivas – (ato de não compreender).

O mundo digital vai, progressivamente, confundindo os seus limites com o mundo real no cotidiano de crianças e adolescentes. A internet, o telefone celular e muitos novos equipamentos de tecnologia da informação vão transformando os comportamentos e as formas de se relacionar com a família, com os amigos e com as novas possibilidades de viajar pelo mundo sem sair de casa.

Nesta realidade virtual, todos os adolescentes podem disfarçar melhor a ansiedade, a confusão, os medos e a alegria da passagem à vida adulta. Podem até superar os pais e muitos professores que nem conseguem ficar conectados ou “plugados”. Aliás, o idioma agora é o “internetês” com abreviaturas, emoticons e maneiras diferentes de se expressar e comunicar. Muitos nem conseguem mais escrever no papel e nem sabem o que é caligrafia e gramática!

A era digital não tem mais volta e o mundo do cyber espaço só aumenta a velocidade e a tecnologia dos novos equipamentos com a transformação dos comportamentos sociais e dos relacionamentos entre pessoas e empresas. Além dos riscos inerentes à nova tecnologia e que também divide a população mundial em alfabetizada ou analfabeta digital, existe uma nova geração digital que já nasceu e cresceu com o computador em sua casa simplificando a vida e ajudando no cotidiano, inclusive da escola.

Outra situação problemática é a influencia dos jogos eletrônicos violentos, que se tornou presente no cotidiano. Entretanto, um estudo afirmou que esses jogos de ação podem sim causar distúrbios violentes em seus jogadores. Conclui-se que os jogos de “mortes” e “tiros” são enormes influenciadores de crianças e adolescentes.

De acordo com os especialistas do estudo, os jogadores deste tipo de “games” tendem a apresentar um comportamento mais agressivo e menos sociável. “Os jogadores apresentam uma diminuição de comportamento sociável, empatia e sensibilidade a agressões”.

Dependendo do jogo, podendo despertar em seus jogadores a sensação de realizar algum ato criminoso. Devido ao uso exagerado do mundo digital. Com eles, surgem também novos riscos à saúde principalmente no caso das crianças, e pode trazer riscos para a visão, braços, mãos, deficiência de sono e hábitos sedentários, queda do rendimento escolar e até prejudicar a qualidade de vida e o relacionamento com outras pessoas.

Recomendações: dicas de proteção e prevenção
Sempre conversar sobre os sites mais apropriados de acordo com o desenvolvimento e a maturidade de cada um.
Estabelecer regras e limites bem claros para a entrada e permanência em salas de bate-papo e serviços de mensagens eletrônicos. Cuidado com o envio de fotos e informações particulares para pessoas desconhecidas.

Denunciar qualquer mensagem esquisita, amedrontadora, obscena, humilhante, inapropriada ou que contenha imagens ou conteúdo pornográfico.
Limitar o tempo de uso do computador para prestigiar a convivência familiar entre todos, especialmente, para manter os hábitos e as horas de sono para descanso cerebral e corporal.

Usar filtros de segurança e sistema de segurança on-line atualizado, com bloqueadores de mensagens proibidas ou inseguras para crianças e adolescentes.
Ficar atento aos sinais de risco e características do uso impróprio, exagerado ou doentio do computador e de outras tecnologias.

Participar das redes de proteção social para crianças e adolescentes nas escolas ou comunidades, estimulando a pratica de mensagens saudáveis.

Programa “Matéria da Capa” na TV Cultura, com apresentação do jornalista Aldo Quiroga.
Créditos: Jornal Norteando

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A bondade em palavras cria confiança; a bondade em pensamento cria profundidade; a bondade em dádiva cria amor. Provérbio chinês

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...