quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

A corrida

Uma multidão ao lado de uma enorme torre, esperava a corrida de sapinhos começar.
Os sapinhos teriam que alcançar o topo de uma torre. Todos estavam ali para assistir aquele espetáculo, mas ninguém acreditava que os sapinhos pudessem conseguir. 

E ficavam gritando:
Vocês não vão conseguir! Vocês não vão conseguir!
Então, a corrida começou e a multidão continuava gritando:
Vocês não vão conseguir! Não vão conseguir!
Ouvindo isso, os sapinhos, cansados, começaram a desistir. E, assim, um por um foi parando. 

Porém, um sapinho magrinho continuou subindo, enquanto todos observavam atentos. Um certo momento, esse sapinho começou a ficar cansado, mas, mesmo assim, resolveu prosseguir. A multidão não conseguia entender como aquele sapinho continuava a subir, se todos já tinham parado. 

E a curiosidade tomou conta de todos. Ficaram olhando para o alto, querendo entender como ele estava conseguindo chegar até o topo da torre. Quando finalmente o sapinho alcançou a marca da chegada e retornou ao local da partida, todos correram para perguntar, como havia conseguido.

Sapinho, como foi que você conseguiu chegar até lá em cima?
Mas, ele não respondeu. Apenas ficou olhando para todos, sem dizer nada.
Neste momento, aproximou-se o irmão mais velho do sapinho, explicando a todos:
Não adianta falar, ele não pode ouvi-los. Meu irmão é surdo!

Acreditar em você mesmo, já lhe faz um vencedor! William Netto Candido

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A coisa mais difícil de ver é precisamente o que está diante dos seus olhos. Goethe

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...