terça-feira, 28 de março de 2017

Mulateiro – a árvore da juventude

Imagem: Amazon Forest Trading    
Mulateiro, Pau-Mulato, Mulateiro-de-Várzea, Pau-Marfim, Capirona.
 A árvore do mulateiro-da-várzea é uma velha conhecida das populações tradicionais da região amazônica.

 De sua casca é feito uma espécie de chá, usado no combate de manchas na pele,
rugas e envelhecimento facial. No entanto, as propriedades cosméticas dessa fonte natural da juventude ainda são pouco conhecidas do grande público consumidor. 

Calycophyllum spruceanum
Divisão: magnoliophyta
Classe: magnolpsida
Ordem: gentianales
Família: rubiaceae
Gênero: calycophyllum
Poder de rejuvenescimento da pele cientificamente comprovado em testes realizados pelo Instituto de Pesquisa Tecnológica (IPT).
Estudo científico da UNESP:  de acordo com pesquisa realizada pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), a Calycophyllum spruceanum, nome científico do mulateiro-da-várzea, contém fenóis, um tipo de molécula orgânica, com alta capacidade antioxidante, detendo a ação dos chamados radicais livres e impedindo o envelhecimento das células.
A boa notícia é que, a cada dia, as qualidades fitoterápicas atribuídas a ela, já descritas na sabedoria popular, estão ganhando reforço científico de importantes estudos da área. 

O chá de mulateiro da várzea traz benefícios como vigor físico e bem-estar, pois renova a circulação sanguínea com melhor oxigenação, produzindo mais vibrações no campo emocional.


Além do auxílio na regeneração celular, atenuando os efeitos das rugas e marcas de expressão e retirando as substâncias poluentes que aderem à pele no dia-a-dia, a árvore é pesquisada por sua capacidade medicinal: uma substância isolada na planta, uma forma de ácido acetilênico, mostrou ser um antibiótico ao ser testado contra bactérias e fungos.

Da casca desta árvore se extrai uma resina utilizada para tratar a pele, principalmente no caso de infecção ou manchas, queimaduras e outros males cutâneos. Na Amazônia é lenda que o mulateiro é a árvore da juventude. O extrato de mulateiro tem ação antiinflamatória, anti-séptica, cicatrizante, absorvente, anti-acne, anti-rugas, anti-manchas e regeneradora celular.
Diz a lenda que o mulateiro é a árvore da juventude e que as índias (pré-Cabral e até as de hoje) tomavam banho de chá da casca da árvore e ficavam sempre jovens para seus maridos guerreiros.
Como elas eram tratadas desde muito jovens com o chá, então permaneciam com uma aparência jovem, o que acabou conquistando os colonizadores.
O extrato do Mulateiro age como um revitalizador, transformando a pele e a aparência de pessoas com traços de cansaço causado pelo tempo, em pessoas de ar jovial além de amenizar o desgaste da pele causado pelo passar do tempo. Outro fator positivo é que é ecologicamente correto, já que a casca da árvore se renova anualmente, assim não é necessário derrubar sequer uma árvore para extrair o produto.

Imagem: Amazon Forest Trading       

Créditos: Casa de Mulateiro – Bambamel – Aure Nanociência

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nada de desgosto, nem de desânimo; se acabas de fracassar, recomeça. Marco Aurélio

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...