sexta-feira, 6 de junho de 2014

Seiva de sangue de dragão – “lifting líquido”

O Dragoeiro é uma árvore que cresce no norte da Amazônia, Peru, Equador e Colômbia e chega a uma altura de 20 metros. 

De seu tronco, extrai-se uma seiva vermelha conhecida como “sangue de dragão”. Os índios a utilizavam para estancar os sangramentos, cicatrizar queimaduras e feridas infecciosas. 

O sangue de dragão é um poderoso cicatrizante, formando uma segunda pele e aumentando a síntese de colágeno. É também potente anti-inflamatório, antioxidante, antibacteriano, antivirótico e analgésico.

Excelente para acne, verrugas, infecções da pele, hemorroidas, quelóides e micoses. Protege dos raios UV. Alivia coceiras, desinflama picadas de insetos.

Conhecido como lifting líquido, promete retardar o envelhecimento cutâneo e diminuir a flacidez. Muito benéfico se misturado a cosméticos para o rosto e corpo, pois regenera e protege a pele.

Exemplo: para cada 100g do creme anti-rugas, adicionar 30 gotas de sangue de dragão. Misturar bem e massagear o rosto diariamente pela manhã.

Pode ser aplicado puro diretamente na pele, em movimentos circulares, até formar uma espuma (parar nesse momento para não esfarelar). Passar à noite, para ser bem absorvido pela pele. Não se assuste, a pele vai ficar num tom avermelhado, mas pela manhã estará bem clarinho. Basta lavar o rosto e notar a diferença do começo da regeneração da pele.

Créditos: Phytoterápica - Bambamel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nada de desgosto, nem de desânimo; se acabas de fracassar, recomeça. Marco Aurélio

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...