quarta-feira, 10 de junho de 2015

Centella-asiática – eficaz no tratamento da celulite

Créditos: Tua Saúde
Esta planta era mais ou menos desconhecida até há pouco tempo, e nem consta nos livros populares de plantas medicinais. 

Quando suas propriedades foram constatadas cientificamente na década de 40, e seu uso foi aprovado no tratamento da celulite, tornou-se das mais conhecidas. 

Foi usada há milênios nos países orientais, principalmente para lesões cutâneas. 

Seu nome científico é quase idêntico ao popular, Centella asiatica, da família Umbelliferae. 

É uma erva daninha, rasteira, que aparece em tudo que é lugar, no meio da grama, nos jardins, terrenos baldios, beiradas de prédios, calçamentos. As folhas são arredondadas, parecidas com as da violeta-de-jardim, ou lembrando uma pata de cavalo, que é um dos seus nomes populares, que aliás, são muitos. 

 Sobre suas propriedades medicinais diz um livro europeu de 1995: "Erva rejuvenescedora diurética que purifica toxinas, reduz inflamações e febres, melhora a cura e imunidade e tem efeito equilibrador sobre o sistema nervoso. Usada internamente para feridas, condições cutâneas crônicas (incluindo lepra), enfermidades venéreas, malária, varizes, úlceras, problemas nervosos e senilidade". 


Externamente é usada para hemorroidas, feridas e articulações reumáticas. A maior procura e uso da centela-asiática é para o tratamento da celulite. E ela não é apenas mais uma planta da moda ou uma onda popular passageira. 

Num livro recente (1994) de dois médicos ingleses se encontram informações seguras sobre sua eficiência. 

Dizem eles: “Existem muitas fórmulas cosméticas e preparações à base de ervas no mercado que afirmam ser efetivas na cura da celulite. Contudo, a maioria dessas fórmulas não tem base científica que apoie seu uso. 

Entretanto, vários compostos vegetais tem efeitos confirmados no tratamento da celulite. Vários estudos experimentais demonstram que a centela-asiática exerce uma ação normalizadora sobre o tecido conjuntivo. 

Um extrato de centela-asiática contendo suas substâncias ativas demonstrou resultados clínicos impressionantes quando administrado por via oral no tratamento da celulite”. Quando tratam do problema das veias varicosas ou varizes, afirmam novamente: “Quando administrado oralmente, um extrato purificado de centela-asiática demonstrou resultados clínicos impressionantes no tratamento da insuficiência venosa dos membros inferiores e das veias varicosas. 

Seu efeito na insuficiência venosa e nas varizes parece estar relacionado com sua capacidade de ampliar a estrutura do tecido conjuntivo, reduzir a esclerose e melhorar o fluxo sanguíneo através dos membros afetados”.

P. Clemente José Steffen, S.J. - Era sacerdote jesuíta. Bacharel em História Natural, especialista em Fisiologia Vegetal e Ecologia.
Créditos: Denise Maria Schnorr Bióloga, colaboradora e continuadora do Projeto Plantas Medicinais. Maria Salete Marchioretto Bióloga, doutora em botânica, curadora do Herbário Anchieta – PACA. Pedro Ignácio Schmitz Coordenador de Pesquisas no Instituto Anchietano de Pesquisas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nada de desgosto, nem de desânimo; se acabas de fracassar, recomeça. Marco Aurélio

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...